google-site-verification=jtTwsz0AnQZZKmslpC3319k2EOyhn1wJOGUf20iXEF4

REI LAGARTO - Overdrive (CD) Hard'nheavy with vocals close to Ozzy  Osbourne

Duplo clique na imagem acima para visualizá-la maior

Reduzir
Aumentar

Mais Visualizações

REI LAGARTO - Overdrive (CD) Hard'nheavy with vocals close to Ozzy Osbourne

Enviar para um amigo

Seja o primeiro a comentar este produto

Disponibilidade: Em estoque

R$30,00

Acrescentar itens ao carrinho
OU

Descrição Rápida

Heavy traditional com vocais e instrumental muito parecidos com Ozzy Osbourne antigo, instrumental rápido e bem tocado com refrões pegajosos e levadas mais hard rock com pitadas de heavy metal.

Descrição do Produto

Apesar de seus integrantes dizerem que não seguirão a postura heavy metal de Overdrive, em função de sua transformação para algo mais voltado para o rock e hard rock, é impossível não destacar um álbum que marca, tecnicamente, um excelente começo e sinal de futuro muito promissor. Overdrive é, realmente, um álbum um tanto obscuro mas que consegue soar de maneira fantástica. Tudo no seu devido lugar, a produção também se destaca. Apostando em um heavy, arrastado em algumas ocasiões, a Rei Lagarto consegue soar coesa e cheia de entrosamento entre seus músicos. Facilmente podemos destacar músicas como Prometheus, Mirros, Kronos, Shadowplay e War. Overdrive é um álbum marcado por músicas que foram feitas durante toda a carreira da banda até o ano de 1996, já que seu lançamento se deu no ano de 1998 pela Megahard Records. E se levar-mos em consideração que a banda iniciou suas atividades em 1991, teremos antigos temas que foram re- estruturados para fazerem parte desta maravilhosa estréia. Outro motivo que dignifica a banda, é o encarte e apresentação gráfica de Overdrive. Enfim, uma banda que já tem Campinas e São Paulo em suas mãos, e que aposta cada vez mais no bom e velho rock para levar seu som em todo o país. As letras do álbum foram desenvolvidas envolvendo muitos aspectos da experiência humana, como misticismo, política, poesia, emoção, atitude. No fundo, cada letra traz a sua história, e é difícil buscar um conteúdo geral para as mensagens. Mais ainda porque as faixas do álbum foram selecionadas dentre uma série de músicas que a banda tinha composto desde que foi formada, em 1991, cobrindo assim quase seis anos de existência do Rei Lagarto. O clima é um pouco denso e dark, devido as experiências próprias de Yon e a influência do escritor inglês William Blake. A parte instrumental foi também centralizada pelo então guitarrista Dudu Brito, que carregou em suas influências de Heavy Metal. Assim, pode-se dizer que, do mesmo modo que as músicas representam um resumo das diversas fases da banda, também as letras são bastante diversificadas. Apenas como exemplos, "Inner Truth", a faixa que abre o álbum, é baseada no I Ching. "Outsider" foi feita sobre um poema de William Blake. "Prometheus" foi escrita baseando-se em um livro chamado "A Ascensão de Prometheus", de Robert A. Wilson. Line-Up (Formação): Fabiano Negri (vocalista), James Twin Reverb (guitarrista), Roger Moonward (baterista), Yon Berry (baixista), Coré Valente (tecladista). Whiplash - 22/08/99 - André Toral

Tags do Produto

Utilize espaços para separar tags. Utilize aspas simples (') para frases.